A Insustentável Leveza do Ser

Booa tarde, pessoas!!

Hoje vim trazer para vocês a resenha do livro “A Insustentável Leveza do Ser” escrito por Milan Kundera, traduzido por Teresa Bulhões Carvalho da Fonseca e publicado pela editora Companhia das Letras.

IMG_20190315_222346693

Sinopse: “Neste que é sem dúvida um dos romances mais importantes do século xx, ficção e filosofia se entrelaçam por meio da história de quatro adultos capazes de quase tudo para vivenciar o erotismo que desejam para si. Como limite, encontram um tempo histórico politicamente opressivo e o caráter enigmático da existência humana. Infidelidade, amor, compaixão, eterno retorno, acaso e arbítrio são alguns dos grandes temas que Kundera articula num romance de ideias e paixões, em que o leitor percorre conceitos filosóficos de braços dados com cada um dos personagens – Tereza, Tomas, Sabina e Franz – e acompanha suas histórias de vida com a profundidade de um estudo. O resultado é uma obra em tudo original, um clássico da literatura contemporânea.”

Eu li esse livro para meu clube do livro e foi uma experiência bem diferente.

Não sabia do que se tratava e o início foi bem estranho haha.

Digamos que o livro tem um narrador bem peculiar, ele conta uma história que envolve romance, guerra e traições, e emite opiniões no decorrer da narrativa sem contar que filosofa bastante.

No início é estranho, mas não chega a atrapalhar, agora no final eu fiquei bem estressada. Hahaha. Eu já estava querendo entender o desfecho e  narrador filosofando para algo que não tinha muito a ver. Fiquei bem revoltada.

Por isso que dei três estrelas e meia. O livro é dividido em sete partes com vinte capítulos cada, mais ou menos, mas os capítulos são mínimos. Uma ou duas folhas.

As ideias também podem salvar vidas”

O livro começa contando a história de Tomas, passa sobre sua vida antes do ponto onde se encontra na narrativa e já apresenta como ele conhece a Tereza e qual a ligação dele com Sabina. Nesse ponto você vira team tomas e acha Tereza louca – minha opinião.

A história é tão leve como a vida do indivíduo, insustentavelmente leve, leve como uma pena”

Daí você já é encaminhado para a visão da Tereza, conhecemos a história dela e como ela conheceu Tomas, onde ela está agora. E nesse momento você vira team tereza porque quem é louco é o Tomas.

Viu? O narrador brinca com a nossa cara o tempo todo!

Amar é desejar essa metade perdida de nós próprios”

Daí conhecemos parte da visão da Sabina e do nada aparece um tal de Franz que nem tinha sido introduzido nas primeiras partes. E entre os meios temos questões filosóficas, questionamentos sobre a visão de mundo a partir do seu conhecimento de mundo.

É um livro que trás muitas reflexões boas, rápido de ler, mas que me incomodou o jeito que foi finalizado. E que não posso contar para não passar spoiler, mas pra mim ficou faltando coisa e outras foram adicionadas sem necessidade.

Como saber em que momento é que o sofrimento se torna inútil? Como determinar o momento em que estar vivo deixa de valer a pena?”

E aí, vocês leram?
Vamos comentar!

Gostou? Quer comprar? Adquira por aqui!
(Comprando com esse link você ajuda o Pêcego e Livros a crescer!)

Até mais, me sigam nas redes!!

Instagram: @pecegoelivros
Twitter: @ninhapecego
Facebook: @pecegoelivros 
Goodreads: @pecegoelivros
Skoob: Aqui!

Beijos e abraços.
Paulinha Pêcego

PS: Oi, você sabia que eu acabei de publicar meu primeiro livro? Não?? Bem, não deixa de conferir clicando na capa aí embaixo, tem no formato físico e no eBook.
E ainda tem no Kindle Unlimited!
Caso adquira e faça qualquer compartilhamento em suas redes sociais não deixa de me marcar, vou amar!
(Não se esqueça de avaliar na amazon após a leitura!)

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s